Imprensa

Mais notícias:

Projeto Comprador aproxima vinícolas do mercado e fomenta negócios na Wine South America

Publicada em 28/09/2018 - 08:54


Comprometida com a promoção de negócios, a Wine South America tem no Projeto Comprador um dos principais instrumentos de estímulo para aproximar comercialmente o vinho nacional dos mercados brasileiro e internacional – cumprindo, assim, outro propósito da feira: oferecer visibilidade aos produtos do país.

O resultado desse trabalho aparece por meio de diversos exemplos de parcerias consolidadas. Julian Ochoa Herrera é gerente de mercado e vendas do Grupo Grajales, de Cali, na Colômbia. Apesar de ter morado três anos no Brasil, ele costumava beber vinhos chilenos e argentinos. Quando teve a oportunidade de provar o vinho brasileiro, foi taxativo na avaliação". Quanto à qualidade não há o que discutir, são muito bons", reconheceu. Daí para os negócios a distância foi pequena.

O grupo de Herrera faz parte das 22 empresas presentes no setor internacional do Projeto Comprador, viabilizado pelo Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex). Ao todo, serão promovidas cerca de 460 rodadas de negócios durante a feira, com representantes de empresas de 10 países - Chile, Peru, Paraguai, Colômbia, Panamá, Estados Unidos, Canadá, Reino Unido, Espanha e Rússia.

Alguns desses encontros podem gerar vendas imediatas, mas muitas delas acabam sendo concretizados no pós-feira. Herrera, por exemplo, acredita que importará, no próximo ano, espumante e suco brasileiros – um negócio que já está em seus planos desde agora.

Além de facilitar as transações internacionais, o Projeto Comprador tem um braço nacional para incentivo de negócios dentro do Brasil. Compradores de todos os 27 Estados da federação estão negociando com 65 vinícolas inscritas no projeto, viabilizado em parceria entre o Ibravin e o Sebrae.


Mais do que intermediar vendas, o Projeto Comprador também aproxima os negociantes das paisagens vinícolas da área da Serra gaúcha, um plus que só feiras como a Wine South America, realizada na região produtora, oferece. Herrera conheceu os vinhedos da Cave Geisse e Don Giovanni, ambas em Pinto Bandeira, a poucos quilômetros do Parque de Eventos onde se realiza a mostra internacional de vinhos. Essa contrapartida é um ganho colateral positivo que fortalece o enoturismo, contribuindo para o desenvolvimento da economia da região e, consequentemente, beneficiando as vinícolas.

As rodadas do Projeto Comprador ocorrem, ainda, nesta sexta-feira (28). Já a Wine South America segue aberta à visitação até o dia 29 de setembro.