Imprensa

Mais notícias:

Guatambu: vinhos elaborados com energia cem por cento sustentável

Publicada em 20/08/2018 - 08:18


Na foto Gabriela Potter - Crédito: Caroline Duarte

Modelo de empreendimento enoturístico, a Guatambu Estância do Vinho, localizada em Dom Pedrito, na Campanha Gaúcha, está entre as mais modernas e qualificadas vinícolas do Rio Grande do Sul. A elaboração dos vinhos é feita com energia 100% sustentável, vindo do parque solar instalado na vinícola em 2016, e somente com uvas dos vinhedos da Estância, garantido a rastreabilidade e qualidade, sobretudo com relação a colheita no ponto de maturação ideal para cada tipo de vinho. O projeto e os vinhos da Guatambu poderão ser conhecidos pelo público de 26 a 29 de setembro durante a Wine South America (http://bit.ly/WSA2018-Ingressos). “Temos ótimas expectativas de que a feira seja referência em qualidade de vinhos na América do Sul”, destaca a diretora técnica da Vinícola Guatambu, engenheira agronoma e enóloga Gabriela Potter.

Na Wine South America a Guatambu apresentará toda a sua linha de vinhos ultra premium. Entre eles está o Épico edição III, que foi considerado vinho revelação no Guia Descorchados 2018 e obteve 92 pontos. O produto também recebeu Medalha de Bronze no London Wine Challenge. “Esse rótulo é um corte três safras das melhores parcelas dos nossos vinhedos de Cabernet Sauvignon, Tannat, Tempranillo e Merlot”, explica Gabriela. A vinícola também apresentará os varietais da linha ultra premium chamada Lendas do Pampa. São os vinhos Tannat e Tempranillo, que também estiveram entre os 10 melhores vinhos tintos do Brasil e entre os melhores da Campanha Gaúcha no Guia Descorchados 2018. “Todos esses tintos estão com graduação alcóolica de 14%, vindo do açúcar natural da uva, são vinhos encorpados e muito potentes, envelhecidos em barril de carvalho”, destaca Gabriela. Nos planos da Guatambu para 2018 ainda está a elaboração de um vinho licoroso com a uva Cabernet Sauvignon e um espumante especial com o nome Isadora, uma homenagem a irmã de Gabriela. Porém, ambos os produtos não estarão prontos para a Wine South America. 

Mais sobre a vinícola

A Guatambu é uma empresa administrada pela família Pötter. A história iniciou em 2003 com a implantação de um vinhedo com mudas importadas da França e da Itália. Em 2007, a vinícola firmou uma parceria com a Embrapa Uva e Vinho com o objetivo de estudar e caracterizar o potencial da região da Campanha para a vitivinicultura.  Nascia ali o primeiro vinho, Cabernet Sauvignon 2009. Depois disso a vinícola seguiu lançando vinhos e se destacando no mercado.

O prédio da Guatambu possui 3 mil metros quadrados e revela arquitetura no estilo espanhol com galeria de acervos da Estância, auditório, varejo, com mostruário e venda de toda linha de vinhos, bem como produtos artesanais típicos da região e cosméticos a base de uva. Além de toda esta estrutura, o espaço ainda conta com um salão de eventos com capacidade para 200 pessoas.

Enoturismo

Quando o assunto é enoturismo a Guatambu também se destaca. Além das visitas guiadas, também é possível participar de eventos como o “Almoço Terroir”, no qual é harmonizado o vinho com todos os produtos da estância  (carnes de cordeiro, bovina, arroz e vinhos).